Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Notícias

Curso ensina fazer kit portátil de energia solar e apresenta sistema solar de purificação de água

  • Última atualização em Terça, 20 de Fevereiro de 2018, 14h50
  • Acessos: 3538

Os participantes irão aprender a construir um kit portátil de iluminação solar, que atenda as necessidades de vários locais remotos e isolados do país sem acesso de energia. O kit é um sistema simples, de baixo custo e de fácil aplicabilidade

Da Redação - Ascom Inpa

Foto: Luciete Pedrosa

Interessados em construir um kit portátil de iluminação solar poderão aprender a fazer no “Curso de Energia Solar – conceitos e aplicações” que será realizado no Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC) numa parceria com o Instituto Amor, por meio da Coordenação de Tecnologia Social (COTES) do Inpa. O curso acontecerá em período integral no próximo dia 24 de fevereiro, na sala anexa à Casa da Ciência, localizada dentro do Bosque da Ciência, das 9h às 12h e das 14h às 17h.

“O kit é uma tecnologia social sustentável ao qual associaremos com a nossa tecnologia de purificação de água, que é o Ecolágua”, diz a coordenadora de Tecnologia Social do Inpa, Denise Gutierrez.

 

kitenergiasolarportatil

 

Durante o curso, um técnico do Inpa, que atua na Coordenação de Tecnologia Social (Cotes/Inpa), conduzirá uma visita técnica com os participantes que poderão conhecer in locu o Ecolágua, uma tecnologia social instalada no Bosque da Ciência e em funcionamento. “Esse sistema de purificação solar de água é tecnologia social ganhadora de prêmio nacional e já bastante consolidada e reaplicada em várias localidades da região amazônica”, explica a coordenadora.

Pelo Projeto de Lei 3329/2015 do Senado Federal as tecnologias sociais são definidas como a união entre saber popular e conhecimentos científico e tecnológico, que devem atender a requisitos de simplicidade, baixo custo, fácil aplicabilidade e reprodução e impacto social comprovado. Ainda de acordo com o projeto, as tecnologias sociais também devem ser voltadas para a solução de problemas básicos: suprimento de água potável, alimentação, educação, energia, habitação, renda, saúde e meio ambiente. 

 

MarceloCasoniesquedaFotoLucietePedrosa ASCOM

 

O curso será ministrado pelo técnico sênior Marcelo Casoni, que atua há anos no setor. “O nosso objetivo é formar qualquer pessoa interessada em ser um técnico júnior de energia solar, capaz de atuar como fabricante, instalador, manutenção ou empreendedor de energia solar”, diz Casoni.

Segundo ele, os participantes irão aprender a contruir um kit portátil de iluminação solar que atenda as necessidades de vários locais remotos e isolados do país sem acesso de energia, simples, de baixo custo e de fácil aplicabilidade, além de conhecer uma Unidade Demonstrativa de purificação de água adequada à Amazônia.

De acordo com a programação do curso, serão repassados os fundamentos básicos da energia solar, os principais equipamentos, como dimensionar o sistema de forma correta, preparação e instalação. Para isso será cobrada uma taxa, que em parte será destinada à aquisição de materiais, no valor de R$150,00 (parte prática e teórica e confecção do kit portátil de iluminação solar) ou R$350,00 (parte prática e teórica, confeção e aquisição do kit portátil de iluminação solar). 

RoyaltyVetter4FotoCimoneBarros

 

Segundo Casoni, o kit é um produto artesanal desenvolvido pelo Instituto Amor dentro do conceito de economia solidária e empreendedorismo social, sendo que parte da renda obtida no curso será revertida aos projetos e ações sociais do Instituto nas comunidades indígenas e ribeirinhas da Amazônia. 

Mais informações sobre como se inscrever no curso podem ser obtidas pelo número (92) 99447-0962 ou pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Sobre o Instituto Amor

É uma instituição socioambiental sem fins econômicos, formado por voluntários que dispõem de seu tempo, conhecimento e recursos em benefício dos menos favorecidos, aspirando a mudança para um mundo melhor. Tem a missão de promover a efetiva melhoria da qualidade de vida de comunidades da Amazônia em extrema vulnerabilidade social, por meio de projetos nas áreas de saúde, educação e empreendedorismo social. 

registrado em:
Fim do conteúdo da página