Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Notícias

Servidoras e colaboradoras do Inpa comemoram o Dia das Mães com Café da Manhã

  • Última atualização em Sexta, 11 de Maio de 2018, 12h21
  • Acessos: 395

Participaram da confraternização organizada pela Comissão de Eventos, estudantes, estagiárias, servidoras, colaboradoras do Inpa

 

Da Redação – Ascom Inpa

Fotos: Cimone Barros

 

Em uma confraternização acolhedora e divertida, o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC) comemorou o Dia das Mães, na última quinta-feira (10), em reconhecimento às servidoras que conciliam a maternidade e a vida profissional. O encontro na sala de leitura da biblioteca contou com um delicioso café da manhã, sorteio de brindes e brincadeiras.

 

Didasmaes2018FotoCimoneBarrosINPA

 

O Dia das Mães é comemorado em várias sociedades do mundo, mas em vários países com diferentes datas. No Brasil, ficou como o segundo domingo de maio e a data foi instituída pelo então presidente Getúlio Vargas em 1932.

 

“Esse dia é comemorado no mundo inteiro porque a importância das mães é muito grande, e hoje se tornou ainda maior porque muitas saíram só daquela estrutura familiar de cuidar da prole e da casa, para ir também para o mercado de trabalho”, destacou o diretor do Inpa, Luiz Renato de França.

 

Dia Das Maes 15 Foto Cimone Barros INPA

 

Para a coordenadora de Gestão de Pessoas Carolina Maia momentos esse de confraternização são “extremamentes importantes” para as mães e para as organizações. “Ser mãe não é um fardo pesado, mas é algo grandioso, com muitas responsabilidades, deveres, alegrias e emoções”, contou a coordenadora de Gestão de Pessoas do Inpa, Carolina Maia, mãe de três crianças.

 

Para Maia, governos, empresas e sociedade em geral deveriam voltar a dar mais sua atenção ao núcleo familiar. “A sociedade se organizou muito em volta da economia e do dinheiro, que são importantes para termos dignidade, mas quem dá a estrutura para sermos o que somos, adultos autônomos, capazes de gerir a própria vida é o nosso núcleo familiar”, ressaltou.

 

Dia das Maes 2018 16 Foto Cimone Barros INPA

 

Ser mãe de sangue ou de coração não importa, as responsabilidades de prover e cuidar dos filhos são as mesmas, segundo a coordenadora de Ações Estratégicas e diretora substituta do Inpa, Hillândia Brandão.

 

“Tenho três sobrinhas que as adotei como filhas e tenho muito orgulho delas. Eu sou do tipo de mãe como muitas outras: sensível e sempre vigilante na educação das meninas”, revelou a pesquisadora, que contou com o suporte da sua mãe na criação das meninas.

 

No papel de formação de profissionais, acadêmicos e cidadãos há ainda os filhos científicos. “Tenho também meus filhos científicos, que são meus alunos de iniciação científica, pós-graduação. Alguns já não são mais meus alunos, mas hoje trabalhamos juntos”, disse Brandão.

 

Dia das Mães 2018 Foto Cimone Barros INPA 4

 

Mãe do Grigórios, 8, a técnica Ádria Figueiredo conta que só conseguiu concluir o doutorado e trabalhar no Inpa por conta do filho. Oriunda de Parintins, onde deixou a família, Figueiredo obtém em Grigórios as forças necessárias para superar os desafios. “Ser mãe não é fácil, mas é muito gratificante. Tudo que consegui foi por causa do meu filho”, disse.

 

Dia das Mães 2018 Foto Cimone Barros INPA 2

registrado em:
Fim do conteúdo da página