Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Notícias

Inpa participa de Avenida da Ciência na 71ª Reunião Anual da SBPC, em Campo Grande

  • Última atualização em Quinta, 25 de Julho de 2019, 15h24
  • Acessos: 973

SBPCINPA2019FotoShirleyCavalcante1

O tema deste ano é “Ciência e Inovação nas Fronteiras da Bioeconomia, da Diversidade e do Desenvolvimento Social”. Veja aqui a programação

 

Da Redação – Inpa

Fotos: Shirley Cavalcante – Editora Inpa

 

O Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC) levou para a 71ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) uma amostra da diversidade de estudos e tecnologias que desenvolve e disponibiliza para a sociedade, como o secador solar. A SBPC é o maior evento de popularização da ciência da América Latina e neste ano será realizada de 21 a 27 de julho, na Universidade do Mato Grosso do Sul (UFMS), em Campo Grande (MS).

 

Importante centro de excelência nos estudos da biodiversidade da Amazônia, o Inpa está presente na Avenida da Ciência, um espaço preparado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia Inovações e Comunicações (MCTIC) para dar visibilidade às ações das unidades de pesquisa e entidades vinculadas, por meio das exposições nos estandes e palestras. Antes as unidades ocupavam estandes dentro da Expotec.

 

SBPCINPA2019FotoShirleyCavalcante

 

O espaço atrai o público de várias idades e perfis, e abre uma oportunidade para o visitante conhecer a força da ciência brasileira, a dimensão das instituições e a diversidade temática tratada em cada uma delas. A Avenida conta com 39 estandes para todas as entidades do MCTIC e mais dois para a Prefeitura de Campo Grande e Governo do Estado.

 

Microscópio com amostras de mosquitos transmissores de doenças tropicais como malária, dengue e leishmaniose, óleos essenciais de plantas da Amazônia, caixas entomológicas, livros da Editora Inpa, vídeo institucional e peças gráficas podem ser encontrados no estande do Inpa.

 

“Estamos em Campo Grande, Centro-oeste do Brasil, um lugar onde pouca gente deve ter um conhecimento detalhado do que o Inpa faz. Então, é uma boa oportunidade pra gente ampliar o conhecimento dentro do Brasil do que a gente faz pela conservação e o desenvolvimento da Amazônia”, destacou a coordenadora de Extensão do Inpa, a pesquisadora Rita Mesquita.

 

SBPCINPA2019FotoShirleyCavalcante2

 

Além da Avenida da Ciência, pesquisadores do Inpa participam da programação científica da SBPC. Conforme a programação, a pesquisadora Vera Val compôs uma Mesa-Redonda na segunda (22) sobre Biodiversidade e Bioeconomia: riscos, oportunidades e impasses. O pesquisador Adalberto Val coordenou uma Mesa-Redonda na quarta-feira (24) Biomas 1: Amazônia, Mata Atlântica e Semi-Árido.

registrado em:
Fim do conteúdo da página
fapjunk.com
ankara escort