Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui: Página inicial > Laboratórios Temáticos > Solos e Plantas
Início do conteúdo da página

Laboratório Temático de Solos e Plantas - LTSP

Última atualização em Sábado, 04 de Abril de 2020, 16h35 | Acessos: 941

Solos e Plantas

Institucional

Infraestrutura

Serviços

Fale Conosco

1

 

 

O Laboratório Temático de Solos e Plantas - LTSP realiza análises físicas e químicas em amostras de solos e material vegetal. O laboratório é voltado a apoiar projetos institucionais de pesquisas, próprios ou em parcerias nacionais ou internacionais. Dessa forma, atende à uma ampla gama de usuários, desde pesquisadores, graduandos e pós-graduandos, estagiários, assim como, projetos em áreas urbanas, comunidades rurais e indígenas no interior da Amazônia. Por meio da participação dos programas externos de controle interlaboratorial, PIATV (ESALQ) e PAQLF (Embrapa Solos), o LTSP certifica, continuamente, a qualidade dos seus resultados analíticos..  

 A necessidade de se esclarecer cada vez mais o funcionamento do bioma amazônico, seu papel nos processos climáticos regionais e globais, e suas resiliências às alterações climáticas, têm como seu fundamento mais importante, o conhecimento originado de resultados analíticos – os quais, no caso do LTSP, são provenientes das amostras de solos e plantas. 

Também, o grau de participação do INPA em projetos nacionais e internacionais depende, em grande parte, da sua capacidade de realizar as análises laboratoriais, rápida e confiavelmente.

A necessidade de atender aos cursos de pós-graduação do INPA, especialmente os de Ecologia (CAPES Nível 6), Ciências Florestais (Nível 5), Agricultura no Trópico Úmido, Clima e Ambiente, e Botânica, demandam a realização de um elevado número de análises no LTSP. Em 2017-18 foram atendidos 47 projetos de mestrado e doutorado, e em apenas 2019, esse total foi de 26 projetos.

 

O LTSP também tem forte atuação na formação de técnicos e tecnólogos de várias instituições de ensino superior (p.ex. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - IFAM – Amazonas), assim como, nos programas de Iniciação Científica do CNPq (PIBIC) e FAPEAM (PAIC) de várias instituições de ensino superior do Amazonas.

 

Diante desse quadro (mais pesquisas, formação de recursos humanos e atendimentos às comunidades), o número de amostras e determinações no LTSP, vem crescendo notavelmente. Em 2019 foram recebidas 7.750 amostras de solos e plantas, tendo sido realizadas nelas 47.372 determinações.

registrado em:
Fim do conteúdo da página