Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > “Homem amazônico” em exposição no Inpa
Início do conteúdo da página
Notícias

“Homem amazônico” em exposição no Inpa

  • Publicado: Sexta, 20 de Março de 2009, 00h00
  • Última atualização em Sexta, 12 de Junho de 2015, 11h17

 

Ascom

Artista plástico brasiliense apresenta criações dedicadas a temas típicos da região.

Por Mário Bentes

O homem amazônico e sua interação cotidiana com o ambiente natural que o cerca. Esse é o tema principal dos trabalhos do artista plástico e cenógrafo Raymond de Sá, que participa de uma mostra cultural no espaço “empório”, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), entre os próximos dias 23 de março e 3 de abril.

São criações de arte e artesanato feitas a partir de elementos típicos da região, a exemplo de sementes de seringueira, tucumã e açaí, e peças como telas, mosaicos e camisetas – todos dedicados a mostrar a harmonia existente entre os habitantes nativos da região Amazônica e natureza.

Com 22 anos de carreira, o artista – natural de Brasília – explica que começou sua vida nas artes plásticas realizando trabalhos sobre a fauna e flora da região do Planalto. Mas, segundo ele, foi o “misticismo” que acompanha a região Amazônica e seus tradicionais elementos que o levou a mudar o foco de seu trabalho.

“Sempre há uma mística que envolve a relação entre o homem e natureza local”, diz Raymond, lembrando que a mostra que fica no Inpa nos próximos dias vai abordar ainda aspectos como o “beiradão” e suas cenas típicas. “As roupas coloridas, as danças, os trabalhos de extrativismo, as comidas típicas, os sabores. De maneira geral, quero mostrar os usos e costumes da cultura local”, explica.

Personagem conhecido entre os servidores do Instituto pela sua participação como coordenador visual do projeto Uakti, que reunia o público todas às sextas-feiras na Associação de Servidores do Inpa (Assinpa), Raymond de Sá já conquistou inúmeros prêmios por todo o país em função de seu trabalho.

Entre seus principais méritos, destacam-se o 1º lugar no Encontro Cultura das Amazonas (1988) e no Ministério da Marinha, no 13º Salão Riachuelo, em Brasília (1993), além de trabalhos executados na área de cenografia no Teatro Amazonas e em decoração de carros alegóricos de escolas de samba de Manaus, a exemplo do Reino Unido da Liberdade.

registrado em:
Fim do conteúdo da página
Estamos em testes com a nova interface do Webmail do INPA.
Basta clicar aqui e conferir.